CIMENTOS AUTOADESIVOS: UMA NOVA POSSIBILIDADE PARA A CIMENTAÇÃO DE RESTAURAÇÕES INDIRETAS.

Luciano Ribeiro Corrêa Netto, Carolina Ullmann Fernandes de Sá Rodrigues, Eduardo Moreira da Silva, Cristiane Mariote Amaral

Resumo


Os cimentos resinosos autoadesivos (CRAAs) foram introduzidos no mercado com o objetivo de simplificar a cimentação adesiva. Esta nova categoria de cimentos resinosos (CRs) está em crescente aceitação pelos profissionais devido à sua facilidade de uso e menor tempo empregado nos procedimentos de cimentação, pois são dispensadas algumas etapas de pré-tratamento da estrutura dental como condicionamento ácido e aplicação do sistema adesivo. Objetivo: apresentar uma revisão da literatura sobre os CRAAs, descrevendo sua composição e reação de presa, propriedades mecânicas e de biocompatibilidade, e considerações clínicas. Método: Foram selecionados artigos científicos referentes ao tema cimentos autoadesivos na base de dados Medline Plataforma Pubmed, considerando as palavras chave self-adhesives cements dentro do período de janeiro de 2003 a dezembro de 2013. Resultados: Observou-se que os cimentos autoadesivos promovem a eliminação de algumas etapas do procedimento de cimentação, como o condicionamento ácido e aplicação de sistema adesivo, o que contribui para a versatilidade dos CRAAs, além de ter a sua aceitação crescente pelos profissionais. Conclusão: Com base na revisão de literatura, conclui-se que esta nova classe de cimento pode apresentar um desempenho semelhante ao dos CRs convencionais. Entretanto, mais estudos são necessários para avaliar a efetividade dos CRAAs na resistência de união ao esmalte, que se apresenta menor que aquela promovida pelos CR convencionais.

Palavras-chave


Cimentos Autoadesivos; Cimento Resinoso; Revisão.

Texto completo:

PDF


1) UnG - Universidade Guarulhos 2) Indexador: Latindex 3) Indexador: Dialnet