PANDEMIA: ENTRAVES IDENTIFICADOS NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM DURANTE O USO DO ENSINO REMOTO EM ALUNOS DE GRADUAÇÃO DO MUNICÍPIO DE GUARULHOS

Autores

  • Alexandre Augusto Pollon UnG - Universidade Guarulhos/ Univeritas
  • Armando Rocha Junior Universidade Guarulhos/ Univeritas
  • Tatiana Lima de Almeida Universidade Guarulhos/ Univeritas

DOI:

https://doi.org/10.33947/2595-6264-v5n1-4736

Palavras-chave:

Covid-19, Depressão, Ansiedade, Desesperança, estudantes universitários, saúde mental.

Resumo

O presente projeto tem como tema central a investigação de aspectos provenientes do processo de ensino e aprendizagem durante a pandemia (COVID-19) alunos de graduação do município de Guarulhos, assim como, possíveis fatores emocionais envolvidos neste contexto. Pretende-se ainda, compreender de que maneira esta modalidade de ensino, dentro do contexto supracitado, está relacionada a alterações cotidianas e possíveis entraves psicossociais ou psicopatológicas. Para tanto, pretende-se realizar, aplicação das Escalas de Depressão (BDI-II), Ansiedade (BAI) e de Desesperança (BHS) de Beck, em alunos dos cursos de graduação do município de Guarulhos, dentro período letivo, em diferentes cursos.  Os resultados serão apresentados oportunamente.

Biografia do Autor

Alexandre Augusto Pollon, UnG - Universidade Guarulhos/ Univeritas

Aluno do Curso de Graduação em Psicologia da Universidade Univeritas UNG

Armando Rocha Junior, Universidade Guarulhos/ Univeritas

Orientador Prof. Dr. da Universidade Guarulhos.

Tatiana Lima de Almeida, Universidade Guarulhos/ Univeritas

Co-Orientadora Profa. Dra. da Universidade Guarulhos.

Referências

ASSOCIAÇÃO AMERICANA DE PSIQUIATRIA. Manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais: DSM-IV®. 4a ed. Porto Alegre, RS: Artes Médicas, 1995.

ASSOCIAÇÃO AMERICANA DE PSIQUIATRIA. Manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais: DSM-V®. Porto Alegre, RS: Artes Médicas, 2014.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BECK, J. S.Terapia cognitiva: teoria e prática. Tradução Sandra Costa. Porto Alegre : Artmed, 1997.

BECK, A. T. & STEER, R. A. Beck Anxiety Inventory. Manual. San Antonio, TX: Psychological Corporation, 1993.

BRASIL. Ministério da Saúde. Uma análise da situação de saúde. Brasília: MS, 2007. Disponível em : <http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/saude_brasil_2007.pdf>. Acesso em: 10 abril 2020.

CUNHA, Jurema Alcides. Manual em português das Escalas Beck / Jurema Alcides Cunha. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2001.

DALGALARRONDO P. Psicopatologia e semiologia dos transtornos mentais. Porto Alegre: Artes Médicas; 2000.

DAMÁSIO, B. Mensurando habilidades socioemocionais de crianças e adolescentes: desenvolvimento e validação de uma bateria. (Nota técnica). Bruno Figueiredo Magalhães. Rio de Janeiro: Departamento de Psicometria da Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2017.

GORENSTEIN, C.; WANG, Y.; ARGIMON, I. I. D. L.; WERLANG, B. S. G. BDI-II: Inventário de Depressão de Beck II / Adaptação para o português. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2011.

SITE GOVERNO BRASIL. Diário Oficial da União, publicado em: 18/03/2020, Ed.53, seção 1, p. 39. PORTARIA Nº 343, DE 17 DE MARÇO DE 2020. Disponível em : <http://www.in.gov.br/en/web/dou/-/portaria-n-343-de-17-de-marco-de-2020-248564376>. Acesso em: 15 de março 2020.

SITE FIOCRUZ, Fundação Oswaldo Cruz: uma instituição a serviços da vida. Disponível em: <https://portal.fiocruz.br/pergunta/por-que-doenca-causada-pelo-novo-virus-recebeu-o-nome-de-covid-19>. Acesso em: 01 de maio de 2020.

SPINK, M. J. Trópicos do discurso sobre risco: risco-aventura como metáfora na modernidade tardia. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 17(6):1277-1311, nov-dez, 2001.

Downloads

Publicado

2021-11-05

Edição

Seção

ARTIGOS